Formigas

Formigas

As formigas são um excelente exemplo de insetos que se adaptaram às cidades, ocorrendo em todo mundo com exceção dos polos. Muitas pessoas questionam sobre este problema: parece que o número de formigas nas residências vem aumentando a cada ano.

No Brasil ocorrem aproximadamente 20 a 30 espécies de formigas urbanas, distribuídas pelas cidades, sendo que pelo menos 5 espécies são conhecidas por praticamente todo o Brasil, estas são em sua maioria, pequenas e fazem seus ninhos atrás de azulejos e dentro de conduítes elétricos.

Elas entram em nossas casas pelas janelas, portas, frestas e até mesmo em vasos de flores, caixas de supermercados e aparelhos eletrônicos novos que acabamos de comprar.

O que fazer em caso da sua presença? Entrar em contato com uma equipe especializada em controle de pragas, para que eles possam resolver o problema.

Algumas espécies de formigas:

Formiga Fantasma (Tapinoma melanocephalum) – Podem ser encontradas no solo, madeiras em decomposição e partes de árvores. Fazem os ninhos pouco estruturados, dentro e fora das residências, atrás de azulejos, batentes e rodapés, e mudam de local com frequência;

Formiga Louca Urbana (Paratrechina longicornis)– As colônias são pequenas com várias rainhas. Normalmente estas formigas fazem ninhos fora e dentro dos prédios, atrás de pedras usadas em revestimentos de paredes e nas calçadas, atrás de janelas e forros de estuque, pois a temperatura é alta e adequada para o desenvolvimento da cria;

Formiga Carpinteira (Camponotusspp) – A maioria das formigas carpinteiras faz o ninho em cavidades do solo, em árvores vivas ou mortas, batentes de janela, portas, assoalhos, porem, não se alimentam de madeira. Ou ainda, fazem seus ninhos dentro das casas, aproveitando falhas na estrutura e podem infestar aparelhos eletrônicos;

Formiga Lava-pé (Solenopsis spp) – Formam ninhos de terra solta, fora de casa, dos quais quando mexidos sai um numero enorme de formigas, podendo ser observadas larvas e pupas. Normalmente são encontrados em gramados e canteiros de árvores. Podem infestar fiações, aparelhos elétricos e cabines de eletricidade;

Formiga do Faraó (Monomorium pharaonis) – Fazem ninhos em pequenas cavidades no interior de ambientes domésticos e, classicamente, são um risco potencial para saúde pública, principalmente quando ocorrem em hospitais. Estas preferem alimentos ricos em gorduras e substâncias doces.